15/06/2013

Programas Sobre “Akakor“ e “Tatunca Nara“

Estes três vídeos falam ambos sobre a história da mística e lendária "Cidade Akakor" retratada no livro do alemão Karl Brugger. Há uma entrevista com o Tatunca Nara, que foi realizada pelo repórter na matéria rede globo com o Índio.

A cidade até hoje, não saiu da imaginação de muita gente e continua sendo alvo de muita investigação, assim não deixando de ser destaque e dando muito pano pra manga.

Akakor é uma suposta cidade perdida, que estaria localizada nas regiões fronteiriças da Amazônia brasileira e que teria origem pré-colombiana. O criador do mito é um alemão chamado Gunther Hauck, usando o nome de Tatunca Nara, que fugiu para o Brasil em 1968 depois de inventar uma história baseado em mitos já conhecidos como o Eldorado e o Paititi, refúgio onde os incas teriam escondido as toneladas de ouro que seriam pagas como resgate ao conquistador espanhol Francisco Pizarro pelo imperador Atahualpa.

Muitos aventureiros morreram ou desapareceram nas selvas brasileiras procurando pelas supostas ruínas.

Em 2008, o arqueólogo mais famoso do mundo da ficção visitou a pirâmide de Akator, no coração do Amazonas, no filme Indiana Jones e o Reino da Caveira de Cristal, mas a real existência das ruínas recriadas eletronicamente pelos produtores do filme nunca foi cientificamente comprovada!.

Em compensação, muitas pessoas acreditaram na história relatada por Tatunca Nara devido ao seu passado obscuro e também ao fato de que até hoje são encontrados sítios arqueológicos e ruínas de civilizações pré-colombianas nas regiões próximas às fronteiras do Brasil.

Anos depois se descobriu que Tatunca Nara era um informante dos órgãos de repressão militares durante a ditadura2. Karl Brugger, o jornalista que publicou a história relatada por Tatunca Nara foi assassinado em 1984 no Rio de Janeiro - fonte wikipedia.

Programa Sexto Sentido - A Crônica de Akakor

Arqueólogo Aurélio M. G. Abreu
Luiz Antonio Gasparetto recebe o arqueólogo Aurélio M. G. Abreu no programa Sexto Sentido, transmitido pela TV Gazeta, São Paulo, SP, no final da década de 1980.

O entrevistado fala sôbre os mistérios da região amazônica, principalmente o desaparecimento do Cel. Fawcett; o assassinato do jornalista alemão Karl Brugger (autor do livro A Crônica de Akakor);

a possível existência de pirâmides na área, fotografadas pela equipe de Erich von Daniken; bem como rumores da presença de um submarino alemão e nazistas na floresta.

Veja:


Programa Fantástico - Tatunca Nara e Akakor (TV Globo, 1990)

Matéria do programa "Fantástico - O Show da Vida", transmitido pela Rede Globo, em 07/10/1990, sôbre o polêmico sertanista Tatunca Nara, que afirma ser filho de índio com uma freira alemã, mas na verdade é um germânico foragido, de nome Hans Richard Gunther Hauck, estabelecido na cidade amazonense de Barcelos desde fins da década de 1960, como guia turístico.

Ele é apontado como responsável pelo desaparecimento dos turistas estrangeiros John Reed, Christine Heuser e Herbert Wanner. Tatunca Nara é o principal personagem do livro "A Crônica de Akakor", do jornalista alemão Karl Brugger, que narra a história da cidade perdida na selva amazônica, repleta de tesouros e cuja localização exata Tatunca diz conhecer. Misteriosamente, após a publicação do livro Brugger foi assassinado no Rio de Janeiro e o crime jamais foi solucionado. Reportagem de Afonso Mônaco e Pedro Bial.

Veja:


As Grandes Pirâmides Brasileiras (Akakor e Paititi)

Paititi refere-se a lendária cidade perdida localizada no leste do Andes, escondida em algum lugar remoto das florestas tropicais do sudeste do Peru, norte da Bolívia e sudoeste Brasil. No Peru a lenda de Paititi gira em torno da história do herói cultural Inkarrí que, depois que ele fundou Q'ero e Cuzco, ele recuou para a selva de Pantiacolla, para viver o resto de seus dias na sua cidade de refúgio de Paititi. Outras variantes da legenda dizem que Paititi era um refúgio inca na zona fronteiriça entre a Bolívia e o Brasil.
Segundo algumas lenda locais, Paititi (ou talvez Eldorado), teria como capital uma cidade chamada Manoa - (também conhecida como "a cidade dos telhados resplandecentes"). Uma história passada pelos índios aos conquistadores espanhóis, dizia que paititi seria um reino encantado, perdido em meio às selvas, outrora habitado por uma estranha raça de seres, adoradores do Sol, cujo nome seria Ewaipamonas - desprovidos de pescoço e cujos rostos ficariam situados à altura dos seus peitos. E os seus templos e imponentes palácios seriam ornados do mais puro ouro. Dizem as lendas que o chefe supremo dessa civilização seria um homem conhecido como "Príncipe Dourado", ou "Eldorado", dotado de aparência resplandecente, cujas vestes e até mesmo o próprio corpo seriam recobertos de ouro, ornados ainda pelas mais belas e valiosas jóias - segundo descrito pelo historiador Fernandes de Oviedo, em 1535.

Em 2001, o arqueólogo italiano Mario Polia descobre o relatório do padre Andrea Lopez nos arquivos dos jesuítas em Roma. Este relatório falava acerca da misteriosa cidade de Paititi, ou talvez Eldorado - um reino perdido situado nos lados inexplorados das florestas peruanas, na região abrangida pelas densas e hostis Selvas Amazônicas. Segundo esse relatório, os missionários Jesuítas daqueles tempos, liderados pelo Padre Andrea Lopez, teriam encontrado Paititi, ou Eldorado (segundo descreveram uma cidade adornado pelo ouro, prata e pedras preciosas) e pediram, então, a devida permissão ao Papa para evangelizar os seus habitantes, o que foi de pronto negado e abafado pela Igreja Católica, escondendo ainda a sua localização, de modo a "evitar uma corrida do ouro ao local e, ainda, a eventual ocorrência de uma histeria em massa".

Veja:



Fonte dos vídeos: Nelsonpinta

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Por favor: não perturbe, nem bagunce! Apenas desejamos que seja amigo com os demais! Seja paciente, humilde e respeitoso com os outros leitores. Se você for ofendido, comunique-se conosco. Obrigado!

COMPartilhe isso:

Precauções

Preocupações: essas são nossas regras para os leitores:

Não seja rude com os outros: apenas transmita palavras de amizade, agrados e compaixão. Não perca seu tempo criticando o blog, porque não faremos o mesmo com você, seja educado! Não usaremos de métodos ofensivos com a imagem de terceiros. Assim como você também; não criticando ou ofendendo as postagens (matérias), não serão permitidos (aceitos) aqui » Agreções, baixarias, gracinhas, palavrões, piadas, ofensas, infantilidades e xingações de qualquer modo - não toleraremos. Não use das suas crendices, ceticismos ou superstições para desinformar os outros leitores. Queremos que seja claro e objetivo com tudo que comentar no blog...

SE VOCÊ VISITOU NOSSO BLOG: não gostou? Com paciência 'agradecemos' a sua vinda até nós. Nós aceitamos a sua presença independente de comentar ou não; e acima de tudo das suas crenças (religiosas). Porque acima de tudo: nós somos humanos...

Não Queremos Moderar Seus Pensamentos: A responsabilidade de tudo que você comentar é extremamente sua e de mais ninguém neste local. Não iremos contra o modo que se expresse com seus pensamentos aqui. Obrigado de coração!

-----------------------------------------------------------------TANTETTAUS-----------------------------------------------------------------

SE VOCÊ AINDA NÃO ACESSOU A NOSSA PÁGina INICIAL: nao perca nossos artigos, não fique por fora do que é 'notícia de responsabilidade' não vista nos meios de comunicações legais. Pense bem! Visite para mais informações » Clique.

Não perca nossos diversos assuntos, tratando de temas que falam a respeito e (sobre) os Anunnaki, OVNIs, UFOs, Extraterrestres e Zecharia Sitchin entre outros. Não se engane fácil com as mentiras e; com os erros que foram impostos e bem direcionados nas histórias contadas erroneamente para nós!

Tenha uma mente aberta: apenas seja apto e rápido, obtenha bons conhecimentos; pesquisando, estudando e desvendando os enigmas do desconhecido, conhecimentos que são desconhecidos para nós. Porque durante 'Eras e Eras' foram negados e estão escondidos ao longo do tempo para o mundo. Mantenha-se... e continue com a mente livre. É discernindo (que aprenderá a dividir o certo do errado) para ficar por dentro de tudo que é interessante para todos (hoje, amanhã e sempre - para sempre).
-----------------------------------------------------------------TANTETTAUS-----------------------------------------------------------------
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...