12/03/2013

2012 - O Retorno Dos Anunnaki - A Bíblia Não Retrata a História da Humanidade (Capítulo VI)

Durante 40 anos, o professor Zecharia Sitchin, estudou as tábuas de argila com a escrita cuneiforme dos Sumérios, descobertas no princípio do Século XX, em Ninive, capital do reino da Assíria, que fica na margem esquerda do rio Tibre.

Na antiga Mesopotâmia.

Eram cerca de 400 tábuas de argila, certificadas pela ciência com o teste C14, com mais de 6000 anos, portanto não é uma fraude como o tal Santo Sudário e que narra a história da humanidade. Narra, melhor dizendo, a verdadeira história da humanidade.

O professor Sitchin, foi muito hábil na divulgação da sua mensagem que ficou escrita em 14 livros de sua autoria. Em vida, jamais entrou em polêmica com governos, políticos ou religiosos. Não lhe interessava e foi assim que, em vida, sua obra foi pouco divulgada. Caso contrário, teria sido bombardeada pela contra informação dos inimigos do povo - governos, políticos e religiosos - que desejam que sejamos eternamente ignorantes e servis aos seus caprichos.

Hoje, não há mais como calar, pois são muitas bocas a falar ao mesmo tempo. Parafraseando os falsos profetas Em Verdade Em Vos Diogo que a história da humanidade deve ser considerada de agora em diante assim: AZS = Antes de Zecharia Sitchin e DZS = Depois de Zecharia Sitchin.

Vamos fazer um breve resumo do que foi dito até agora com base nas informações do professor Zecharia Sitchin:

01 - Em busca de ouro para proteger o seu planeta Nibiru, os Anunnaki, extraterrestres habitantes deste planeta aterrissaram com seus discos voadores no planeta Terra.

02 - Já no processo de mineração da extração do ouro, um grupo de Anunnaki se rebelou por considerar demasiada pesada a carga de trabalho que eles consideravam que não era a sua especialidade, já que eram astronautas.

03 - O chefe da missão Enki, que era um cientista, juntamente com sua irmã que também era cientista, realizaram vários experimentos genéticos com o homo-eretus, ser que já existia na terra, e deles nasceu o primeiro homem Adamo ou Adão.

"Deixe-nos, no plural, moldar o Adão, Adão vem de Adama, que quer dizer literalmente, aquele que é da Terra. Moldemos aquele que é da Terra, à nossa imagem e semelhança, e isso é, essencialmente, em um verso bíblico, o que os sumérios contam nos textos da criação. E depois dessa atividade, tudo parecendo estar em ordem, o dilúvio vem e destrói tudo", informa o prof. Sitchin.

Esta seqüência do dilúvio será matéria para outro post.

Representação artística do Dilúvio
Mas, o que desejo esclarecer para o leitor é que a Bíblia narra passagens das tábuas dos sumérios e de forma conveniente a quem as escreveu. Na verdade, a Bíblia não é um livro. Ela é a reunião de vários escritos de autores não confirmados, agregados para atender interesses de grupos políticos e religiosos. Aqueles que pudessem contestar a "verdade" desses grupos foram jogados na lata do lixo.

A Bíblia não foi escrito por seus autores. São histórias que eram narradas de pai para filho, por um povo ignorante que não sabia ler e nem escrever. Ou seja, eles "ouviram" dizer que. E ouviram de quem? Certamente, sem a menor sombra de dúvidas, do povo mais antigo que habitou a Terra - os sumérios.

Leia estas passagens do Gênesis e compare com a informação dos sumérios:

Gênesis1: 26 - E disse Deus: Façamos o homem à nossa imagem, conforme a nossa semelhança; e domine sobre os peixes do mar, e sobre as aves dos céus, e sobre o gado, e sobre toda a terra, e sobre todo réptil que se move sobre a terra.

Gênesis1: 27 - E criou Deus o homem à sua imagem; à imagem de Deus o criou; macho e fêmea os criou.

Gênesis1: 28 - E Deus os abençoou e Deus lhes disse: Frutificai, e multiplicai-vos, e enchei a terra, e sujeitai-a; e dominai sobre os peixes do mar, e sobre as aves dos céus, e sobre todo o animal que se move sobre a terra.
Deus nos manda ser frutíferos e multiplicar, e encher a terra, e subjugá-la: e ter domínio sobre toda coisa viva que se move na terra.

Gênesis 2:7: - E formou o Senhor Deus o homem do pó da terra e soprou em seus narizes o fôlego da vida; e o homem foi feito alma vivente.

Gênesis 2:21 - Então, o Senhor Deus fez cair um sono pesado sobre Adão, e este adormeceu; e tomou uma das suas costelas e cerrou a carne em seu lugar.

Gênesis2: 22 - E da costela que o Senhor Deus tomou do homem formou uma mulher; e trouxe-a a Adão.

Hoje, você sabendo que a ciência é capaz de criar um ser humano in vitro, dá para acreditar nesta historinha da carochinha? Quer dizer, se você quiser continuar na ignorância até que pode. Pois é isso que governos, políticos e religiosos querem.

"A Madona com São Giovannino." Foi pintado no
século 15. Artista desconhecido. Acima do ombro
direito de Maria tem um objeto em forma de disco.
Segue um texto de Robert G. Ingersoll, escrito em 1894;

A origem da Bíblia

Algumas famílias errantes — pobres, esfarrapadas, sem educação, arte ou poder; descendentes daqueles que foram escravizados por quatro séculos; ignorantes como os habitantes da África Central — haviam acabado de escapar de seus senhores ao deserto do Sinai. Seu líder era Moisés, um homem que havia sido criado pela família do faraó e que havia aprendido a lei e a mitologia do Egito. No intuito de controlar seus seguidores, fingiu ser instruído e assistido por Jeová, o Deus desses andarilhos.

Tudo que acontecia era atribuído à interferência desse Deus. Moisés disse que encontrou esse Deus face a face; disse que no topo do Monte Sinai recebeu das mãos desse Deus as tábuas de pedra nas quais, pelas próprias mãos de Deus, os Dez Mandamentos foram escritos, e que, além disso, Jeová o informou sobre quais sacrifícios e cerimônias lhe eram agradáveis e quais leis deveriam governar esse povo.
Deste modo a religião judaica e o Código Mosaico foram estabelecidos.
Agora se alega que essa religião e essas leis foram reveladas e estabelecidas para toda a humanidade. Naquele tempo esses andarilhos não possuíam comércio com outras nações, não possuíam linguagem escrita, não podiam ler nem escrever. Não possuíam meios para fazer com que outras nações tomassem conhecimento daquela revelação, que assim permaneceu enterrada no linguajar de umas poucas tribos ignorantes, empobrecidas e desconhecidas por mais de dois mil anos.

Moisés recebendo os 10 Mandamentos cercado de
discos voadores
Muitos séculos após Moisés — o líder — ter morrido, muitos séculos após todos seus seguidores terem morrido, o Pentateuco foi escrito — uma obra de muitos escritores —, e para lhe conferir força e autoridade, afirmou-se que era de autoria de Moisés.

Hoje sabemos que o Pentateuco não foi escrito por Moisés. Nele são mencionadas cidades que nem existiam na época em que Moisés viveu. Nele é mencionado dinheiro que só foi cunhado séculos após sua morte.

Assim, muitas das leis não eram compatíveis com viajantes do deserto — leis sobre agricultura, sobre o sacrifício de bois, ovelhas e pombas, sobre tecelagem de roupas, sobre ornamentos de ouro e prata, sobre o cultivo da terra, sobre a colheita, sobre o debulhamento de grãos, sobre casas e templos, sobre cidades de refúgio e sobre muitos outros assuntos que não possuíam qualquer relação possível com uns poucos viajantes famintos.

Não apenas os teólogos inteligentes e honestos admitem que Moisés não foi o autor do Pentateuco; todos admitem que ninguém sabe quem foram os autores ou quem escreveu qual daqueles livros, capítulo ou linha. Sabemos que os livros não foram escritos na mesma geração; que não foram todos escritos por uma única pessoa; que estão repletos de erros e contradições. Admite-se também que Josué não escreveu o livro que leva seu nome, pois nele há referências a eventos que ocorreram muito tempo após sua morte.
 
Ninguém conhece ou finge conhecer o autor de Juízes; todos sabemos que foi escrito séculos após os juízes terem deixado de existir. Ninguém conhece o autor de Rute, nem o Primeiro ou o Segundo de Samuel; sabemos apenas que Samuel não escreveu os livros que têm seu nome. No 25o capítulo de I Samuel é narrada a criação de Samuel pela feiticeira de Endora.
 
Ninguém sabe quem foi o autor de I e II Reis ou de I e II Crônicas; tudo que sabemos é que tais livros não têm qualquer valor. Sabemos que os Salmos não foram escritos por Davi. Neles fala-se da escravidão, a qual somente ocorreu por volta de cinco séculos após Davi ter “dormido” com seus pais.
 
Sabemos que Salomão não escreveu os Provérbios nem os Cânticos; que Isaías não foi o autor do livro com seu nome; que ninguém conhece o autor de Jó, Eclesiastes, Éster ou qualquer outro livro do Novo Testamento, com exceção de Esdras. Sabemos que Deus não é citado nem aludido em qualquer aspecto no livro de Éster. Sabemos também que o livro é cruel, absurdo e impossível.

Deus não é mencionado no Cântico dos Cânticos, o melhor livro no Velho Testamento. E sabemos que Eclesiastes foi escrito por um incrédulo. Sabemos também que os próprios judeus não haviam decidido quais livros eram inspirados — ou seja, autênticos — até o segundo século após Cristo. Sabemos que a idéia de inspiração difundiu-se lentamente, e que a inspiração era determinada por indivíduos que tinham certos fins a serem atingidos.

 Agora, clique aqui para ampliar a imagem abaixo e saber quantas pessoas foram mortas por Deus, segundo a Bíblia:

A verdadeira Bíblia

Por milhares de anos o homem vem escrevendo a verdadeira Bíblia — está sendo escrita dia a dia, e nunca será terminada enquanto o homem tiver vida.
 
Todos os fatos que conhecemos — os eventos verdadeiramente ocorridos; todas as descobertas e invenções; todas as maravilhosas máquinas cujas engrenagens parecem ter vida própria; todos os poemas; todas as jóias do intelecto; todas as flores do coração; todas as canções de amor — as tristes e as alegres; os grandes dramas da imaginação; as admiráveis pinturas — verdadeiros milagres da forma e da cor, da luz e da sombra; as maravilhosas esculturas que parecem respirar; os segredos contados pelas rochas e pelas estrelas, pelo pó e pelas flores, pela chuva e pela neve, pelo frio e pelo fogo, pelas correntes de ar e pela areia do deserto, pela altura das montanhas e pelas ondas do mar.
 
Toda a sabedoria que prolonga e enobrece a vida, que previne e cura doenças, que conquista a dor; todas as leis perfeitas e justas que guiam e modelam nossas vidas; todos os pensamentos que alimentam as chamas do amor; a música que transfigura, arrebata e enfeitiça; as vitórias do coração e da mente; os milagres que mãos construíram; as sábias e hábeis mãos daqueles que trabalharam por suas esposas e filhos; as histórias sobre feitos nobres, sobre homens bravos e produtivos, sobre o amor de esposas leais, sobre o amor incondicional das mães, sobre os conflitos em nome da justiça, sobre os sacrifícios em nome da verdade, sobre tudo de melhor que os homens e mulheres do mundo disseram, pensaram e fizeram através dos anos.
Estes tesouros do coração e do intelecto são as verdadeiras Sagradas Escrituras da raça humana que não estão escritos na Bíblia.

Pintura intitulada "A Crucificação" e foi pintada em
1350. Dois objetos com figuras dentro pode ser vistos
no topo esquerdo e superior direito do afresco.
Não nasci para ser cordeiro e nem mesmo desejo ser pastor. Quero ser um homem livre, mesmo que seja pobre, mas com a minha consciência em paz por ter durante a minha vida procurado evoluir como um Ser Humano. Busquei a verdade para receber a luz do conhecimento.

Não aceitei as mentiras que sempre me contaram, pois nelas não via nenhuma lógica. Não me acovardei e não me acovardo, nem hoje, nem amanhã com os relatos e pesquisas aqui apresentados.

Não retiro uma linha, uma vírgula, uma exclamação, como um leitor chegou a sugerir. Ao postar esta série estou ciente da minha responsabilidade e do meu compromisso com a verdade.

Aqueles que quiserem continuar como cordeiros devem seguir a trilha dos seus pastores. Aos demais, que como eu, buscam a luz do conhecimento sigam o blog que tem mais. 

Confira os cinco capítulos anteriores:

Um comentário:

Por favor: não perturbe, nem bagunce! Apenas desejamos que seja amigo com os demais! Seja paciente, humilde e respeitoso com os outros leitores. Se você for ofendido, comunique-se conosco. Obrigado!

COMPartilhe isso:

Precauções

Preocupações: essas são nossas regras para os leitores:

Não seja rude com os outros: apenas transmita palavras de amizade, agrados e compaixão. Não perca seu tempo criticando o blog, porque não faremos o mesmo com você, seja educado! Não usaremos de métodos ofensivos com a imagem de terceiros. Assim como você também; não criticando ou ofendendo as postagens (matérias), não serão permitidos (aceitos) aqui » Agreções, baixarias, gracinhas, palavrões, piadas, ofensas, infantilidades e xingações de qualquer modo - não toleraremos. Não use das suas crendices, ceticismos ou superstições para desinformar os outros leitores. Queremos que seja claro e objetivo com tudo que comentar no blog...

SE VOCÊ VISITOU NOSSO BLOG: não gostou? Com paciência 'agradecemos' a sua vinda até nós. Nós aceitamos a sua presença independente de comentar ou não; e acima de tudo das suas crenças (religiosas). Porque acima de tudo: nós somos humanos...

Não Queremos Moderar Seus Pensamentos: A responsabilidade de tudo que você comentar é extremamente sua e de mais ninguém neste local. Não iremos contra o modo que se expresse com seus pensamentos aqui. Obrigado de coração!

-----------------------------------------------------------------TANTETTAUS-----------------------------------------------------------------

SE VOCÊ AINDA NÃO ACESSOU A NOSSA PÁGina INICIAL: nao perca nossos artigos, não fique por fora do que é 'notícia de responsabilidade' não vista nos meios de comunicações legais. Pense bem! Visite para mais informações » Clique.

Não perca nossos diversos assuntos, tratando de temas que falam a respeito e (sobre) os Anunnaki, OVNIs, UFOs, Extraterrestres e Zecharia Sitchin entre outros. Não se engane fácil com as mentiras e; com os erros que foram impostos e bem direcionados nas histórias contadas erroneamente para nós!

Tenha uma mente aberta: apenas seja apto e rápido, obtenha bons conhecimentos; pesquisando, estudando e desvendando os enigmas do desconhecido, conhecimentos que são desconhecidos para nós. Porque durante 'Eras e Eras' foram negados e estão escondidos ao longo do tempo para o mundo. Mantenha-se... e continue com a mente livre. É discernindo (que aprenderá a dividir o certo do errado) para ficar por dentro de tudo que é interessante para todos (hoje, amanhã e sempre - para sempre).
-----------------------------------------------------------------TANTETTAUS-----------------------------------------------------------------
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...